Carregando ...
Visualização do Trabalho Acadêmico
Repositório Institucional - UECE
Título:
AQUISIÇÃO DA ESCRITA EM CRIANÇAS PRÉ-ESCOLARES: UMA ANÁLISE BASEADA EM PROCESSOS FONOLÓGICOS

Autor(es):
ALMEIDA, ANA ÁSIA ALVES

Palavras Chaves:
Não informado

Ano de Publicação:
2013

Resumo:
A presente dissertação tem por objetivo investigar a aquisição da escrita em crianças pré-escolares do infantil 5, tendo como foco uma análise baseada na descrição de processos fonológicos. Baseamo-nos na Teoria da Fonologia Natural (STAMPE, 1973), sobretudo na descrição de processos fonológicos na aquisição da fala (TEIXEIRA, 1988, 2013) e de sua aplicação para a descrição da aquisição da escrita (MELO, 2010). Apoiamo-nos, ainda, em estudos que tratam sobre processamento da escrita, alfabetização e sobre a relação entre consciência fonológica e aquisição da escrita (CARVALHO, 2003). A coleta dos dados foi realizada em sessões individuais de ditados de palavras reais e pseudopalavras, baseadas no Aplicativo para Teste de Leitura - APPTL – (MOREIRA, 2009). Integraram a amostra 20 crianças, com idade entre 5 e 6 anos, organizadas em dois grupos: GA, que recebeu treinamento em consciência fonológica, e o GB, que não recebeu. Os resultados mostram que, nos dois grupos investigados, os processos modificadores estruturais ocorreram com maior frequência, seguidos pelos de substituição e de assimilação. A maior frequência de ocorrência de processos modificadores estruturais sinaliza que as crianças têm maior dificuldade para representar tipos silábicos mais complexos (CVC, CCV e CCVC), considerando que conseguem representar adequadamente na escrita o tipo silábico canônico, CV. O maior número de processos modificadores estruturais também sinaliza que as crianças do Infantil 5, nos dois grupos testados, não têm dificuldade para representar segmentos individuais na escrita, no entanto, ainda têm dificuldade para rearranjar os segmentos na estrutura da sílaba quando têm de representar tipos silábicos mais complexos. Os resultados indicam, ainda, que a consciência fonológica contribui para a aquisição da escrita em crianças pré-escolares, uma vez que o grupo que participou do treinamento em consciência fonológica representou na escrita um número maior de itens lexicais com base alfabética. Tais achados implicam que sejam revistos os métodos de ensino de alfabetização adotados na pré-escola, no sentido de atentar para a relevância do objeto linguístico, ou seja, para a necessidade de desenvolvimento das habilidades metafonológicas no ensino da escrita.
Palavras-chave: Aquisição da escrita. Processos fonológicos. Pré-escola.

Abstract:
The present Dissertation aims at investigating written acquisition in group 5 pre-school children, focusing on phonological processes description. The theory of natural phonology (STAMPE, 1973), especially phonological processes description related to speech acquisition (TEIXEIRA, 1988, 2013) and its application to written acquisition description (MELO, 2010) are used as the methodological background. This study is also based on studies focusing the processing of writing, the learning of reading and writing, and the relation between phonological awareness and the acquisition of written language (CARVALHO, 2003).
Data sampling was conducted by means of individual sessions of real and nonsense words dictation, through the application of the APPTL – a Portuguese Reading Test instrument (MOREIRA, 2009). The sample was composed by twenty 5 and 6 year-old children, classified into two groups, A and B. Children in group A (GA) received training in phonological awareness, whereas children in group B (GB) received none. Results show that the structural modifying processes occurred more frequently, followed by substitution and assimilation processes. The greater frequency of occurrence of structural modifying processes signals that children have greater difficulty to represent more complex syllables types (CVC, CCV and CCVC), considering that they can adequately represent, in writing, the canonical syllabic type, CV. The largest number of structural modifying processes also indicates that five-year-old children from both groups did not have difficulty in representing individual segments in writing, although they still have difficulty in rearranging segments in syllable structure when they have to represent more complex syllabic types. Results also show that phonological awareness contributes to the acquisition of writing in pre-school children, since the group that participated in the phonological awareness training represented in writing a larger number of lexical items with alphabetical basis. These results imply that literacy teaching methods adopted in pre-elementary school should be reviewed, in order to attend to the relevance the linguistic target, or, in other words, to the necessity of developing metaphonological skills in the teaching of writing.
Keywords: writing acquisition, phonological processes, pre-elementary school.

Tipo do Trabalho:
Dissertação

Referência:
ALMEIDA, ANA ÁSIA ALVES. AQUISIÇÃO DA ESCRITA EM CRIANÇAS PRÉ-ESCOLARES: UMA ANÁLISE BASEADA EM PROCESSOS FONOLÓGICOS. 2013. 207 f. Dissertação (Mestrado Acadêmico ou Profissional em 2013) - Universidade Estadual do Ceará, , 2013. Disponível em: Acesso em: 19 de julho de 2024

Universidade Estadual do Ceará - UECE | Departamento de Tecnologia da Informação e Comunicação - DETIC
Política de Privacidade e Segurança
Build 1